Sem mais

Um leitor do meu blog me fez por email a seguinte pergunta hoje: “não me leve a mal, mas quem é você afinal de contas? você posta coisas que eu não sei se entendo.”

Ora, não me leve a mal, mas não me leve a sério. Sou invarialmente um paradoxo e definitivamente, um caso a não ser estudado. Hoje sou pouco do que achei que seria, e muito do que nem sei se quero saber.

2 comentários sobre “Sem mais”

  1. um leitor do meu blog me escreveu

    “óia…tem q ter um QI muito alto pra ler teu blog, hein!!”

    e outro,de uma inteligência absurda com a qual eu convivo há uns 10 anos, respondeu:

    “Mário Quintana dizia que quando alguém pergunta a um autor o que este quis dizer, é pq um dos dois é burro ;)”

    1. hmmm, Mário Quintana é um gênio, e eu concordo com ele. Elevo as esperanças no sentido de que o burro da relação leitor/blogueiro seja eu. Me cairia melhor assim. Bjus Ana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s